Ferrari limitará venda para manter exclusividade

10 05 2013


Num movimento inusitado, o presidente da Ferrari, Luca de Montezemolo, anunciou nesta quarta-feira que a marca de luxo limitará as vendas de seus esportivos este ano. A meta é não ultrapassar o volume de 7 mil carros comercializados no mundo, menos que o resultado de 2012 quando foram vendidas 7.318 unidades.

A razão apontada por Montezemolo é manter a exclusividade: “Os concessionários devem entender que qualidade é importante, não apenas quantidade”, explicou o CEO da Ferrari durante uma apresentação na sede da empresa na cidade de Maranello, na Itália.

Para compensar o menor número de unidades vendidas, a Ferrari planeja ampliar a margem de lucro em cada uma delas. O caminho para isso será a customização dos modelos, ao oferecer detalhes exclusivos para seus clientes.

A estratégia da Ferrari contrasta com a adotada pela Maserati, marca associada à ela. De acordo com o representante no Brasil, a Via Italia, a meta da marca esportiva é pular de 7 mil carros em 2012 para 50 mil unidades por ano em 2015 – os carros da Maserati utilizam alguns componentes da Ferrari.

O Brasil ainda tem uma participação irrisória nas vendas mundiais da Ferrari. Em 2012, nosso mercado representou apenas 0,6% do volume comercializado. Este ano, as vendas da marca esportiva caíram pela metade entre janeiro e abril – de 17 carros para somente 8 veículos.

Anúncios

Ações

Information

Deixar um Comentário...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: